A imagem de Moises com Chifres?




O ERRO MAIS FAMOSO DA ARTE OCIDENTAL

A estátua de Moisés do ano de 1515 é uma das esculturas mais célebres da arte ocidental. Ela retrata Moisés segurando com nobreza as tábuas da lei depois de descer do Monte Sinai pela segunda vez. Estranhamente, Moisés tem dois chifres na sua cabeça! Por séculos, milhões de pessoas do mundo inteiro acreditavam que Moisés - e todos os judeus - tinham chifres na cabeça! Como isso aconteceu?!

ERRO NA TRADUÇÃO DA BÍBLIA

É um erro causado pela tradução. O versículo que descreve a descida de Moisés do Monte Sinai descreve sua face e expressão com a palavra hebraica קרן. Mas esta palavra pode ser lida de duas maneiras diferentes: "Keren" (קֶרֶן) que significa "um chifre" e "karan" (קָרַן) que significa "brilhou/estava radiante". Na verdade, o versículo diz "ele não sabia que sua cara estava radiante (karan) porque tinha falado com o Senhor"! (Êxodo 34:29)

A SOLUÇÃO: VOLTAR À FONTE

Hoje em dia, os leitores da Bíblia entendem que a palavra karan deve ser lida metaforicamente para expressar: "sua face brilhou" ou "sua face projetou raios de luz". Esta famosa obra de arte é apenas um exemplo das consequências trágicas de traduzir a Bíblia incorretamente. Ao invés de depender do Português, aprenda o Hebraico original da Bíblia. Recupere hoje o autêntico e poderoso significado da Bíblia evitando a tradução! 

Nenhum comentário: